ADVERTORIAL

Como esculpi uma “cintura Tumblr” secando com a bactéria do Pantanal

A bactéria come mais de 42% da gordura da barriga, diminui a ansiedade e foi capaz de esculpir uma cintura e deixa-la 7 cm menor em pouco menos de um ano!

(2204 Votos)
Perdi quase 4kg por semana com essas bactérias boas! Minha cintura ficou fininha e eu muito mais feliz!

Cintura Tumblr”. Quando eu escuto isso eu logo lembro das modelos perfeitinhas (e irritantes) do Instagram. Todas com cinturinha de pilão, vivendo vidas perfeitas e sendo elogiadas pela genética injusta e MAGRA.

É mulher, se você é gorda como eu sempre fui, se já te chamaram de “rolha de poço”…ou se até mesmo você já foi a “amiga feia” que ficava de vela na balada… se você sabe como é ser a “cheinha” que fulano até encara quando está muito bêbado…

Você sabe que a jornada de “amar a si mesma” pode parecer uma grande besteira. E que, por muitas vezes, a única coisa que te faria se sentir FINALMENTE SEGURA seria colocar uma roupa bonita e falar: “NOSSA, COMO EU ESTOU MAGRINHA”.

Sem ver nada sobrando, sem ficar apertada e desconfortável. Pior, com medo de que riam de você por estar usando aquilo.

Eu sempre fui apaixonada por moda e confesso: queria ter a “cinturinha Tumblr”, a mesma que as mulheres que eu achava bonitas (e irritantes) tinham. 

Por isso, entrei na faculdade de nutrição. Me arrisquei a ser a “nutricionista gorda” para transformar a minha vida e a de quem já tinha passado por tudo isso aí em cima.

Cansei de me jogar em dietas restritivas, de tomar sibutramina, femproporex e shakes que só acabavam com o meu fígado. Fiz terapia, me ajudou muito… e há mais ou menos um ano atrás eu descobri com um professor esta bactéria que me fez perder mais da metade do meu peso. Esse foi meu “PONTO DE VIRADA”:

Perdi 42% da gordura da barriga com esta “bactéria do bem” que come gordura!

Segundo o professor da Escola de Agronomia da Universidade Federal de Goiás, o engenheiro de alimentos Gabriel Luis Castiglioni, a alta concentração de proteína desta bactéria vinda de algas do Pantanal evita exageros à mesa.

Eu estava TÃO CANSADA de ficar triste. De se sentir feia e pedir a Deus um novo corpo toda vez que era humilhada em uma loja…

Um dia, depois da aula eu simplesmente olhei no espelho e disse: “CHEGA! Eu mereço viver o melhor da vida, eu mereço ser feliz e vou mudar!”

Mas não com remédios ou passando fome… muito menos me acabando na academia, servindo de chacota para gente bombada…

Nada disso!

Pesquisando e falando com meus professores de Nutrição eu segui apenas dois passos simples e baratos para emagrecer sem perder a saúde:

  1. Parei de tomar refrigerante (com exceção de aniversários e festas)
  2. Conheci e passei a tomar uma “bactéria do bem” antes das refeições. Consumi esta bactéria junto com três fibras recém aprovadas pela Anvisa, que segundo estudos científicos, possuem a propriedade de eliminar gordura nas fezes e custam menos de R$ 20,00 por mês.

Esta bactéria chamada spirulina é o que os nutricionistas estão chamado de “super alimento do futuro”. Ela cresce em lagos de água doce, principalmente no Pantanal. 

Estudando eu sei que junto com quitosana, psyllium, e picolinato de cromo, esta “bactéria do bem” emagrece sem acelerar seu metabolismo nem mexer nos hormônios do cérebro como aqueles remédios malucos que a gente vê vendendo.

No início tentei tomar tudo separado, porém saia caro demais e impossível acertar nas quantidades indicadas pela Organização Mundial de Saúde (OMS). Além disso a bactéria essencial para o emagrecimento só existia no Pantanal ou então fora do país!

Aí resolvi buscar algum suplemento que tivesse tudo isso. O orientador do meu TCC de nutrição me indicou o um composto chamado Kifina, riquíssimo em spirulina e potencializado por fibras essenciais. Foi aí que a coisa começou a andar. 

Eu perdi mais da metade da minha barriga!

Mas antes disso precisava entender porque eu NÃO PARAVA DE INCHAR!

Spirulina ajuda na perda de peso, tem ação antioxidante e ainda pode combater doenças como candidíase e anemia. Fonte: Organização Mundial da Saúde (OMS). 

Me informando, ouvi dizer sobre essa “bactéria que come gordura” e logo pensei:

“TENHO CARA DE BOBA? Já cansei de emagrecer e engordar de o dobro com essas coisas que não fazem efeito”.

Então para entender como funciona o composto desse Kifina no combate à obesidade, procurei entender como engordamos. Só aí eu poderia avaliar se a fórmula agia na raiz do problema.

Vou explicar como acumulamos gordura:

Motivo 1: somos sabotados pelos genes poupadores:

O nutricionista e pesquisador da Faculdade de Ciências Aplicadas (FCA), da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp), Dennys Cintra, diz no artigo “A fisiologia da obesidade: bases genéticas, ambientais e sua relação com o diabetes” que o homem pré-histórico caçava e ficava muito tempo sem comida, por isso seu corpo poupava energia e gordura. 

Hoje, temos comida extremamente calórica muito rápido e a disposição, mas esta “informação poupadora” não se desfez.

Motivo 2: ingerimos mais calorias do que precisamos:

A Organização Mundial de Saúde (OMS) alerta que um em cada oito adultos em todo o planeta é obeso. A projeção é de que, em 2025, cerca de 2,3 bilhões de indivíduos estejam com excesso de peso. 

Isto porque pedimos cada vez mais comida pelos aplicativos, frequentamos rodízios, compramos “combos” e pagamos porções extras.

Tudo com muito sal, açúcar e gordura. Comemos com ansiedade, para suprir cada decepção emocional que temos. No final, os “genes poupadores” seguram tudo ali.

Motivo 3: a gente não se mexe!

Outra pesquisa da OMS, desta vez publicada na revista científica Lancet aponta que o Brasil é o país mais sedentário da América Latina – estamos falando de 47% da população.

Além de sedentários, temos depressão, falta de ânimo. Andamos menos e as atividades profissionais ficaram mais “intelectuais” do que “braçais”. Não perdemos o que nossos “genes poupadores” seguram.

Entender aquilo me fez ver: Para emagrecer precisamos de: déficit calórico + aumento do gasto de energia. Mas será que o Kifina fazia isso? 

Emagreci mais de 26kg depois de tomar a bactéria do Pantanal

Quem me vê na rua nem reconhece mais! O emagrecimento começou “tímido” e depois que o corpo acostumou o peso foi DESPENCANDO. Eu me sentia mais enérgica e feliz”.

Para saber como o Kifina funcionava e se ele “corrigia” o erro do nosso organismo de poupar gordura que não precisa, me informei sobre a fórmula e descobri:

1 – A fórmula do Kifina remove as reservas de gordura!

Isso significa: você perde peso. O artigo “Influência da ingestão de espirulina sobre o metabolismo de ratos exercitados*” da Sociedade Brasileira de Medicina do Esporte confirmou em testes clínicos em ratos que a bactéria do Kifina diminui a ansiedade de comer e dá ao corpo uma sensação de saciedade.

“O (composto do Kifina) não apresenta toxicidade ao organismo, além de não comprometer o desenvolvimento de órgãos e tecidos” – diz o estudo.

2-  A spirulina (bactéria do Pantanal) acaba com 77% da gordura da barriga. Fonte: Journal Of Obesity

Segundo um estudo científico feito com 40 voluntários no Reino Unido, essas fibras podem acabar (em média) com até 77% da gordura da barriga, e 56% das gorduras dos braços, pescoço, e 61% da flacidez no interior da coxa. A bactéria combinada com as 3 fibras do Kifina (picolinato de cromo, quitosana e e psyllium)  acelera a redução de gordura em 10x, principalmente na região abdominal.

Cientificamente, a spirulina está na categoria das cianobactérias, isto é, micro-organismos que se alimentam por meio da fotossíntese. Ela ajuda na saciedade e a repor vitamina B12 no corpo.

3 –  “Mais energia e melhor desempenho físico” – Fonte: Estudo da Universidade da Grécia

Os pesquisadores do estudo investigaram e descobriram que corredores que tomavam os componentes de Kifina mostraram um aumento maior no desempenho do exercício. Entre dois grupos de voluntários, os que tomaram Kifina tiveram ação antioxidante 70% maior do que os voluntários que tomavam placebo.

Após 7 meses de suplementação com Kifina, esses foram os resultados:

Na esquerda, você vê o que acontece quando o psyllium uma das fibras do Kifina entra em contato com a gordura. Esta fibra praticamente embrulha o que seu corpo não precisa e a gente elimina tudo pelas fezes. 

Eu não tinha porque não tentar Kifina. Eu vi que esta bactéria poderia “comer” mais da metade do meu peso corporal transformando a gordura em um gel mole. Aí as fibras ainda ajudavam na parte de eliminação!

De acordo com os pesquisadores, este tipo de efeito faz com que no mesmo período de tempo em que uma pessoa em dieta normal perderia quase dois quilos, seria possível acabar com mais de 20 quilos!

Entrei no site oficial do Kifina e escolhi o meu kit. Fiquei com medo MESMO ASSIM de perder dinheiro ou engordar de novo, foi aí que eu vi que eles tinham uma garantia blindada.

Nunca vi garantia em suplemento, gente! Mas esse tinha, confiavam tanto nos resultados que se eu não emagrecesse eles compravam tudo de volta sem nem perguntar nada…mesmo que a pessoa já tivesse tomado tudo.

Então basicamente…eu não tinha nada a perder, né? Só a oportunidade de ter a sonhada “cinturinha Tumblr”. Usar FINALMENTE o que eu quisesse, me sentir finalmente pronta e confiante para ser mais feliz comigo mesma. 

Conclusão: me tornei a mulher que sempre quis aos poucos! 

Assim que comecei a emagrecer pedi para ajustar esta calça. Estava animada, me sentia mais confiante… e a cintura? FININHA, FINALMENTE!

Cortando refrigerante e aproveitando a energia do Kifina para caminhar até a faculdade, eu consegui:

Eu não acreditava nesse tipo de coisa, sabe? Achava que era só balela, coisa que tirava água e só. Mas conforme o tempo foi passando, eu fui sentindo a minha energia aumentar e a fome diminuir. Eu me tornei naturalmente uma pessoa mais ativa, menos esfomeada/compulsiva e como consequência, mais magra. 

E volto a dizer: uma coisa que me fez testar o Kifina (agradeço isso até hoje) é a tal da garantia blindada. 

Minha amiga procurou Kifina e comprou açúcar! Então se liga no site OFICIAL!

Gente, esse produto não tem em farmácias (eu sei porque já procurei), apenas no site oficial deles. Se você quiser comprar, CLIQUE AQUI PARA IR ATÉ O SITE OFICIAL E FAZER O PEDIDO.

Falo isso porque tem quem ache caro e como a minha amiga…disse tudo isso pra ela, só que na hora de comprar ela achou “mais barato” pelo Mercado Livre…também encontrou fórmulas parecidas e perdeu dinheiro! 

O resultado com ela não foi NEM UM POUCO parecido, abrindo as cápsulas entendemos o porque: era puro açúcar, cor diferente e tudo! 

Frasco verdadeiro de Kifina. Foto: Arquivo Pessoal

Aí fizemos as contas! Quanto ela gastava com aplicativo de comida por mês? Com roupas grandes que nem gostava? Com refrigerante, que faz inchar tanto…Deu mais que 150 por mês! A gente comete O CRIME de tratar a nossa saúde como menos importante, mas qual é o preço de finalmente se amar?

Ter a autoestima de volta e usar o que você quer sem precisar procurar pelo número mais largo da loja…Não tem preço não, mulherada!

Então, aproveita aí, MAS COMPREM ORIGINAL! Senão não adianta, né? Eu vi que eles estão com desconto para os primeiros 80 clientes da semana, mas não dura por muito tempo não.

Ah e não façam a mesma burrada que eu, viu? Ano passado, quando Kifina era menos conhecido, tinha uma promoção até de amostra grátis e eu perdi por MEDO. Esperei 2 dias pra comprar e já tinha zerado, aí tive que comprar com o preço cheio…

Quando vi que estava secando super rápido (e sem tonturas e nem fome) então vi que valia a pena ter investido no pacote de 6 meses e economizado 50% do valor. 

Fica aí a minha dica! Vou colocar aqui o banner do site oficial deles:

Atualização: Descontos de 60% ainda disponíveis. Promoção válida até 14 de August de 2020, ou enquanto durarem os potes que os fabricantes reservaram para a nossa matéria.

Potes disponíveis no momento:
87

Adquira o Kifina apenas no site oficial, ou corra o risco de comprar açúcar dos falsificadores. Clique no banner abaixo, você será redirecionado ao site oficial, onde é possível adquirir o Kifina com desconto do Advertorial de 60%. Garantia Blindada Kifina e parcelamento em 12x.

Oportunidade válida até 14 de August de 2020.

Atenção: Restam poucas Potes! Tenha vantagem com nosso link exclusivo e ganhe até 60% de desconto e parcelamento em até 12x clicando no botão abaixo:

Esta foi minha história de emagrecimento e eu já ouvi outras por aí com resultados que variam de pessoa para pessoa. Alguém já usou? Deixem sua experiência aqui em baixo, vamos trocar figurinhas!

ATUALIZAÇÃO: O que aconteceu quando eu parei de tomar

Logo no começo tive bastante ânimo e comecei a além de comer menos, melhor!

Muita gente veio me perguntar o que rolou quando parei de tomar. Acontece que depois de chegar no peso que eu queria e na “cinturinha Tumblr” que me fazia confiante eu diminui o uso e já me sentia mais confiante para entrar na academia! 

O “grosso” do peso perdi TUDO com Kifina mas agora faço academia 3x na semana para  levantar o bumbum e ganhar firmeza na perna que ficou toda molinha sem a gordura.

Ganhei massa muscular (afinal, tinha zero) e as medidas não aumentaram não (inclusive, meu culote só diminui). Efeito colateral só energia mesmo e menos fome, fico cheia mais rápido – até economizo em comida agora kkkk. 

Os estudos já diziam gente, é tudo natural então não tem aquelas químicas pesadas que o corpo vicia e sente falta. Tudo varia de pessoa para pessoa, mas o funcionamento das fibras é só amor!

Até mais!

CLIQUE AQUI PARA IR ATÉ O SITE OFICIAL.